Translate

20 de setembro de 2012

ARTE EM PINTURAS NA MITOLOGIA E SEUS PERSONAGENS MITOLÓGICOS





ARTE NA MITOLOGIA


PINTURAS DE PERSONAGENS MITOLÓGICOS



HOMENAGEM A PRIMAVERA

Parte I



"Amarelo" - Téc.mista s/ tela - 50X70
Denise D'O. Ludwig
(Foto: João D'Oliveira)


NARCISO

O personagem grego Narciso: o mito mais "vaidoso" da mitologia grega

Sua vaidade era somada a insensibilidade, era tão belo que atraía a todos, mas não correspondia a ninguém. Seu nome originou o termo narcisismo que significa entorpecido. Voltado somente para si mesmo, perante si mesmo. Sua representação diante do seu próprio reflexo na água, apaixonado por sua própria imagem refletida, o levou a sua própria morte, por afogamento. 
"O termo narcisismo é um processo pelo qual o sujeito assume a imagem do seu corpo próprio como sua, e se identifica com ela."
"NARCISO" de CARAVAGGIO  
É a pintura mais conhecida deste personagem mitológico 




 Música: "Primavera" - Antonio VIVALDI
Compositor italiano (1678-1741)   


  

SALVADOR DALI
Pintou o "seu" Narciso surreal

"Narciso"por Salvador DALI (1904-1989)


O mito de Narciso inspirou além de pintores famosos também escritores e poetas,
como por exemplo o escritor Stendhal, em seu livro clássico 'O Vermelho e o Negro',
há um narcisista clássico no personagem de Mathilda:
 "Ela olha para ela em vez de olhar para ti, e por isso não te conhece.
Durante as duas ou três pequenas explosões de paixão que ela se permitiu a teu favor, ela,
por um grande esforço de imaginação, viu em ti o herói dos seus sonhos, 
e não tu mesmo como realmente és".


FLORES DE NARCISOS











"Nada menos de duas almas. Cada criatura humana traz duas almas consigo: uma que olha de dentro para fora, outra que olha de fora para dentro... A alma exterior pode ser um espírito, um fluído, um homem, muitos homens, um objeto, uma operação." 
 Machado de Assis (1839-1908)



MÚSICA "A VALSA DAS FLORES"
Tchaikovsky





ÍCARO OU ICARUS

Personagem mitológico conhecido por voar sozinho.

Ícaro ao tentar deixar a ilha de Creta, na Grécia, construiu asas artificiais a partir de cera das abelhas e penas de gaivotas. E voou. Mas ao voar próximo ao sol, suas asas derreteram e ele caiu no Mar Egeu.
Seu nome é relacionado à aviação e aos pilotos aéreos.

Ícaro é o símbolo da Academia Militar da Aviação.
Foi o pioneiro na tentativa mítica da Grécia para conquistar os céus. 
E quem não se lembra da revista ÍCARO, da saudosa Companhia Aérea Brasileira VARIG?!



"O Lamento de Ícaro" - Herbert DRAPER JAMES (1863-1920)


"Dédalo e Ícaro" - Domenico PIOLA (1627-1703)



"ÍCARO" - Lucílio Albuquerque - Pintor Brasileiro (1877-1939)





O Mito é o nada que é tudo,
O mesmo sol que abre os céus,
É um mito brilhante e mudo".
(Fernando Pessoa)




"Tudo que é belo morre no homem, mas não na arte"

 (Leonardo da Vinci)




Dicas de Livros e filme:
Livro e Filme: "O RETRATO DE DORIAN GRAY" de Oscar WILDE.
O personagem central, o próprio Dorian, exemplifica um tipo de narcisista, belo e vaidoso. O seu retrato, pintado por um amigo dele, é como um personagem por si mesmo neste romance que marcou época e foi filmado recentemente.
"Eu amava Narciso porque, quando ele se debruçava sobre as minhas margens para contemplar-me, eu via sempre se refletir, no espelho dos seus olhos, a minha própria beleza". Oscar Wilde -Escritor e poeta irlandês (1854-1900)









POEMAS

AS DUAS FLORES

São duas flores unidas
São duas rosas nascidas
Talvez do mesmo arrebol,
Vivendo, no mesmo galho,
Da mesma gota de orvalho,
Do mesmo raio de sol.

Unidas, bem como as penas
das duas asas pequenas
De um passarinho do céu...
Como um casal de rolinhas,
Como a tribo de andorinhas
Da tarde no frouxo véu.

Unidas, bem como os prantos,
Que em parelha descem tantos
Das profundezas do olhar...
Como o suspiro e o desgosto,
Como as covinhas do rosto,
Como as estrelas do mar.

Unidas... Ai quem pudera
Numa eterna primavera
Viver, qual vive esta flor.
Juntar as rosas da vida
Na rama verde e florida,
Na verde rama do amor!
(Castro Alves)


FASE DE TRANSCENDER

Nasceu,
viveu e morreu.
Três tempos completos,
nem imagina que virá,
a sua volta o silêncio,
a seu tempo realizará.
Transcendeu
 e floresceu.
Mais sublime fase,
sua cor em ênfase,
completa outra florada,
a seu tempo realizada.
(Denise D'O. Ludwig)


(Finalmente floresceram  as tão esperadas flores em cachos da planta trepadeira "Thunbérgia- "Sapatinha de judia", que venham mais flores a realizar sua "Fase de Transcender").
"Sapatinhas" Foto: Denise D'O. Ludwig - 2012

3 comentários:

  1. Denise!Que lindo! Suas publicações fazem bem aos olhos, aos ouvidos e ao coração! Parabéns!! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Cristiane. Fico muito feliz com seu comentário, é incentivador. Assim dá ânimo para eu continuar. Preparar estes posts está dando um prazer pessoal.
      Já tenho um rascunho florido e bonitinho para amanhã, início da primavera. Bjos.

      Excluir
  2. Adorei conhecer mais um talento seu! Lindo poema... quanta inspiração...!
    Gostei da mudança do layout, ficou ainda melhor.

    ResponderExcluir