Translate

26 de setembro de 2013

PINTURAS DOS SANTOS COSME E DAMIÃO










ARTE E RELIGIÃO

 PINTURAS DOS SANTOS COSME E DAMIÃO



Dia de São Cosme e Damião

26 de Setembro - Religião Católica
27 de Setembro - Religiões Afro-Brasileiras



Ícone Bizantino



Os irmãos gêmeos Cosme e Damião
exerciam suas profissões de médicos missionários, sem cobrar nada em troca. Mas foram denunciados como curandeiros e por pregarem o cristianismo. Sofreram a injustiça sendo condenados e martirizados.





Música: "Missa Brevis em Sol menor - BWV 235 " - Bach








"São Lourenço Entre São Cosme e  Damião e os Santos Doadores" - Fra Filippo Lippi
Pintor renascentista italiana (1406-1469)





O Dia de São Cosme e Damião

Santos Cosme e Damião, os santos gêmeos, morreram em cerca de 300 d.C. Crê-se que foram médicos, e sua santidade é devida por exercer a medicina sem cobrar por isto e por terem morrido pela fé. Sua festa é celebrada atualmente no dia 26 de setembro pela Igreja Católica, no dia 27 de setembro pelas religiões afro-brasileiras e no dia 1 de novembro pela igreja Ortodoxa.


Nas Religiões Afro-Brasileiras

"O dia de São Cosme e Damião é celebrado também pelo Candomblé, Batuque, Xangô do Nordeste, Xambá e pelos centros de Umbanda onde são associados aos ibejis, gêmeos amigos das crianças que teriam a capacidade de agilizar qualquer pedido que lhes fosse feito em troca de doces e guloseimas. O nome Cosme significa "o enfeitado" e Damião, "o popular".
Estas religiões os celebram no dia 27 de setembro, enfeitando seus templos com bandeirolas e alegres desenhos, tendo-se o costume, principalmente no Rio de Janeiro, de dar doces e brinquedos às crianças que lotam as ruas em busca dos agrados. Na Bahia, as pessoas comemoram oferendo caruru, vatapá, doces e pipoca para a vizinhança."


Biografia

"Há relatos que atestam serem originários da Arábia, de uma família nobre de pais cristãos, no século III. Seus nomes verdadeiros eram Acta e Passio.
Um estudou Medicina e o outro Farmácia na Síria e depois foram praticar em Egéia. Diziam "Nós curamos as doenças em nome de Jesus Cristo e pelo seu poder".
Exerciam a medicina e farmácia na Síria, em Egéia e na Ásia Menor, sem receber qualquer pagamento. Por isso, eram chamados de anárgiros (que não aceitam 'pratas'), ou seja, não aceitam dinheiro.
Cosme e Damião foram martirizados na Síria, porém é desconhecida a forma exata como morreram. Se foram crucificados, ou decapitados.
Perseguidos por Diocleciano, foram trucidados e muitos fiéis transportaram seus corpos para Roma.
Foram sepultados no maior templo dedicado a eles, feito pelo Papa Félix IV (526-30), na Basílica no Fórum de Roma com as iniciais SS - Cosme e Damião."






"São Cosme e Damião" - André Perez
Pintor barroco espanhol (c.1570-1727)

"Decapitação dos Santos Cosme e Damião" - Fra Angelico
Pintor renascentista italiano (1400-1455)

"São Cosme e Damião Recuperados" - Fra Angelico
Pintor renascentista italiano (1400-1455)

"Cosme e Damião" - Giorggio Vassari
Pintor renascentista italiano (1511-1574)

"São Cosme e Damião Crucificados e Apedrejados"

"São Cosme e Damião Salvos de Afogamento" - Zanobi Strozzi
Pintor italiano (1412-1468)



Santos Padroeiros dos Médicos e Farmacêuticos


Nenhum comentário:

Postar um comentário