Translate

28 de março de 2014

PINTURAS COM MULHERES TOMANDO CHÁ







ARTE E PESSOAS

PINTURAS DE MULHERES TOMANDO CHÁ

A Hora do Chá

Tradição de vários países, do ocidente e oriente, a hora do chá ou do café, é a hora de sentar-se a mesa sem pressa, servir-se, apreciar e relaxar, como um ritual sagrado.

Brindemos a cerimônia do chá e do café.

"Tomando Chá" - George Goldwin Kilburni
Pintor inglês (1839-1924)



Música-Tema do Filme: "Emma" - Rachel Portman
Filme baseado no livro homônimo da escritora inglesa Jane Austen




"Metade do mundo não consegue entender os prazeres na outra metade."
("Emma" - personagem da escritora Jane Austen)



Mary Cassatt
Pintora norte americana (1844-1926)

"Chá da Tarde" - Mary Cassatt
Pintora norte americana (1844-1926)

Frederico Zandomeneghi
Pintor italiano (1841-1917)

"Uma Xícara de Chá" - Pierre-Auguste Renoir
Pintor francês (1841-1919)

"A Hora do Chá" - Frederick Frieseke
Pintor norte americano (1874-1939)

"Hora do Chá" - Emílio Salas
Pintor espanhol (1850-1910)

Delphin Enjolras
Pintor francês (1865-1945)

"Chá da Tarde" - Eva Gonzalèz
Pintora francesa (1849-1883)


Chá solitário...



"Madame à Mesa de Chá" - Mary Cassatt

Eva Gonzalèz
Pintora francesa (1849-1883)

James Tissot
Pintor francês (1836-1902)

James Tissot
Pintor francês (1836-1902)

Carlo Cressini
Pintor italiano (1864-1938)

"Retrato de Miss Elwoody" - Christian von Schneidau
Pintor norte americano (1893-1973)

Louis Ritman
Pintor norte americano (1839-1963)

Edward Antoon Portielje
Pintor belga (1861-1949)

Emile Eisman Semenowsky
Pintora franco-polonesa (1857-1911)

Emile Eisman Semenowsky
Pintora franco-polonesa (1857-1911)

"A Hora do Chá" - Richard Edward Miller
Pintor norte americano (1875-1943)

"Hora do Chá" - Emilio Sala y Frances
Pintor espanhol (1850-1910)

Raymond Perry Rogers Neilson
Pintor (1881-1964)

William McGregor Paxton
Pintor norte americano (1869-1941)



"Tomando Chá" - Konstantin Makovsky
Pintor russo (1869-1941)

Andrey Aranyshev
Pintor russo contemporâneo



Música: "Tea for Two" ("Chá para Dois") - Instrumental
Compositores: Vincent Youmans e Irving Caesar
Música tema do filme com o mesmo nome "Chá para Dois"





Chá para dois...

Henriette Honner-Knip
Pintora holandesa (1821-1909)

Henry Salem Hubbell
Pintor norte americano (1870-1949)

"Uma Xícara de Chá" - Carl Fredrik Hill
Pintor sueco (1849-1911)

"Chá das Cinco" - John Hanson Walker
Pintor inglês (1844-1933)



Chá no jardim...


Frederick Childe Hassam
Pintor norte americano (1859-1935)

"Chá no Jardim" - Louis Ritman
Pintor norte americano (1839-1963)



Frederick Frieseke






A mesa de chá está posta, ou pode servi-se na bandeja...

Taisia Afonina
Pintora russa (1913-1974)

"Mesa de Chá" - Mike Bernard
Pintor inglês contemporâneo

Jean-Ettienne Liotard
Pintor franco-suíço (1702-1789)



A hora do chá no país das maravilhas de Alice


Ilustrações da "Hora do Chá do Chapeleiro Maluco" da história fantástica  "Alice no País das Maravilhas", do escritor Lewis Carrol.





~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~


O "Caminho do Chá" - A Cerimônia do Chá Japonês





"O Caminho do Chá, conhecido no idioma japonês como sadô, chadô ou chanoyu, não se resume somente em uma simples cerimônia, mas constitui, essencialmente, uma filosofia existencial que há muitos séculos tem marcado o estilo de vida dos japoneses. O chá verde em pó, denominado macha e consumido em um ambiente tranquilo, desembarcou no Japão em fins do século XII, pelas mãos de monges chineses que praticavam o zen-budismo.



"Depois do século XIV, este chá se disseminou no seio da elite japonesa, que o utilizava como um pretexto para empreender eventos sociais nos quais as pessoas contemplavam conjuntamente os quadros da época. Mais adiante, com o predomínio dos samurais na divisão social do Japão, particularmente no chamado Feudalismo japonês, determinadas normas foram instituídas para a realização de reuniões em torno do chá. Assim nasceu o Caminho do Chá."


"Após um período no qual as cerimônias eram presididas particularmente pela cultura do luxo, contrariando os princípios budistas que valorizam o recato e a simplicidade, virtudes que emanam dos ensinamentos de Buda, o monge Murata Juko, no fim do século XV, começou a estimular a realização destes encontros em espaços menores, com pequena quantidade de instrumentos.

Um século depois, outro zen-budista, o mestre Sem no Rikyu, consolidou o formato decisivo do Caminho do Chá. Ele cultivava o princípio conhecido como wabi, que pode ser traduzido como desapego, singeleza e destruição do desnecessário, preceitos essenciais, segundo sua filosofia, para o Chadô."
Fonte: http://www.infoescola.com/cultura/caminho-do-cha/





Os bules de chá

As pinturas em porcelanas antigas e modernas



Os ancestrais bules chineses

















Bule do Tibet



Os Bules Russos









Os modernos designs
























9 comentários:

  1. muito, bom, fantástico

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita e comentário. Também acho fantástico.Amo bules de chá e as pinturas!!

      Excluir
  2. Adorei os BULES e não saberia, qual seria o mais bonito! Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Neusa, todos são igualmente tão bonitos e ricos em detalhes. Muito obrigada pela visita e comentário.
      Volte sempre!!
      Um abraço,
      Denise

      Excluir