Translate

25 de abril de 2014

PINTURAS DE FRUTAS - CAQUIS EM PINTURAS E FOTOGRAFIAS






ARTE E ALIMENTOS


PINTURAS DE FRUTAS

CAQUIS



Os doces e vermelhos caquis.
Tão doce como mel.
É também um néctar dos deuses.

Peter Lau
Pintor contemporâneo

Jonathan Aller
Pintor contemporâneo

Debbie Becks Cooper
Pintora contemporânea



Música Popular Tradicional Japonesa




Caqui - Brasileiro ou japonês? 

Durante mais de cem anos, desde a chegada dos primeiros imigrantes japoneses, os brasileiros aprenderam a conviver com seus costumes.
Muitas palavras de origem japonesa foram incorporadas no Brasil, assim como acrescentaram também novas frutas e novos sabores na culinária brasileira. Um exemplo é o caqui doce que entrou definitivamente no gosto dos brasileiros e a palavra no dicionário. Assim como outras frutas e produtos como a maçã fuji, a abóbora cabochá, o tofu, etc.
O Japão é conhecido por seu tradicional cultivo de vegetais, e é interessante ver que os imigrantes japoneses apesar de estarem longe de seu país, mantém-se fieis às suas tradições culturais.



 












Sarah Bent
Pintora contemporânea


Caqui em grego: 'Diospyro'
Caqui em inglês: 'Persimmon'


Caqui ou Dióspiro - "Alimento de Zeus"

"O caqui (português brasileiro) ou dióspiro (português europeu) é o fruto do caquizeiro (português brasileiro) ou diospireiro (português europeu) (Diospyros kaki, L.f.), uma árvore da família Ebenaceae. O nome «dióspiro» (Diospyros) tem origem no grego dióspuron, que significa «alimento de Zeus», enquanto «caqui» vem do japonês kaki (柿)."
 Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Caqui




Qual a origem do caqui?

"O caqui é uma fruta originária da Ásia, mais precisamente da China, de onde foi levada para a Índia e o Japão. Com o passar do tempo, durante milênios, espalhou-se pelos outros continentes. A fruta chegou a São Paulo em 1890. Quando os imigrantes japoneses vieram para o Brasil, em 1920, trouxeram novas variedades da fruta e a cultura se expandiu sob o comando deles. O kaki do Japão virou caqui no Brasil."










Os Caquis em Fotografias










Joan Linn Bekins
Fotógrafa contemporânea
















Nenhum comentário:

Postar um comentário