Translate

28 de outubro de 2015

ARTE CONCRETA - PINTURAS COM QUADRADOS - RETÂNGULOS E TRIÂNGULOS - MALEVICH - MONDRIAM - MAX BILL - ARTE CONCRETISTA BRASILEIRA - HELIO OTICICA - LYGIA CLARK - RUBEM LUDOLF - WALDEMAR CORDEIRO - GERALDO DE BARROS - HÉRCULOS BARSOTTI - FIAMINGHI - LOTHAR CHAROUX - LYGIA PAPE - JUDITH LAUAND








PINTURAS COM QUADRADOS E TRIÂNGULOS



Quadrados e Triângulos em Cores


Mondriam

Piet Mondriam
Artista plástico holandês (1872-1944)











Música: "A Sagração da Primavera - 1/2" - Stravisnky
Ígor Stravinsky - Compositor, pianista e maestro russo (1882-1971)


Theo van Doesburg

Theo van Doesburg
Arquiteto e artista holandês (1883-1931)












Malevich
Kazimir Malevich
Pintor russo (1879-1935)










Max Bill
Max Bill
Arquiteto, Design e Professor Suíço (1908-1994)








A Pintura Concretista Brasileira


Hércules Barsotti
Hércules Barsotti
Artista plástico brasileiro (1914-2010)










Hércules Barsotti



Rubem Ludolf

Ruben Ludolf
Arquiteto e artista brasileiro (1932-2010)













Rubem Ludolf




Hermelindo Fiaminghi

Hermelindo Fiaminghi
Artista plástico brasileiro (1920-2004)
















Hermelindo Fiaminghi



Helio Oiticica
Helio Oiticica
Artista plástico brasileiro (1937-1980)










Helio Oiticica



Lygia Clark


Lygia Clark
Artista plástica brasileira (1920-1988)














Lygia Clark


Geraldo de Barros

Geraldo de Barros
Pintor e fotógrafo brasileiro (1923-1998)









Geraldo de Barros




Aluísio Carvão


Aluísio Carvão
Pintor brasileiro (1920-2001)













Aluísio Carvão




Osmar Dillon

Osmar Dillon
Arquiteto e artista brasileiro (1930-2013)














Lothar Charoux

Lothar Charoux
Artista plástico austro-brasileiro (1912-1987)















Lothar Charoux


Waldemar Cordeiro

Waldemar Cordeiro
Jornalista e artista plástico brasileiro (1925-1973)












Waldemar Cordeiro


Judith Lauand

Judith Lauand
Artista plástica brasileira contemporânea (n.1922)












Luiz Sacilotto

Luiz Sacilotto
Artista plástico brasileiro (1924-2003)





















Luiz Sacilotto




Lygia Pape 
Lygia Pape
Artista plástica brasileira (1927-2004)










Lygia Pape





Arte Concreta - Definição


"O termo arte concreta é usado por Theo van Doesburg (1883-1931), que participa do grupo e revista homônimos fundados em 1930, em Paris. No texto de introdução do primeiro número da revista Arte Concreta, pontua o que seria a base da pintura concreta: 
1- A arte é universal
2- A obra de arte deve ser inteiramente concebida e formada pelo espírito antes de sua execução [...]
3- O quadro deve ser inteiramente construído com elementos puramente plásticos, isto é, planos e cores. Um elemento pictural só significa a 'si próprio' e, conseqüentemente o quadro não tem outra significação que 'ele mesmo'
4- A construção do quadro, assim como seus elementos, deve ser simples e controlável visualmente
5- A técnica deve ser mecânica, isto é, exata, anti impressionista
6- Esforço pela clareza absoluta
Portanto, a arte concreta tenta abandonar qualquer aspecto nacional ou regional e se afasta inteiramente da representação da natureza. E, negando as correntes artísticas subjetivistas e líricas, recusa o sensualismo e a arte como expressão de sentimentos."
Fonte: http://enciclopedia.itaucultural.org.br/termo3777/arte-concreta




"O Concretismo surge na Europa, por volta de 1917, na tentativa de se criar uma manifestação abstrata da arte.
A busca dos artistas era incorporar a arte (música, poesia, artes plásticas) às estruturas matemáticas geométricas. A intenção deste movimento concreto era desvincular o mundo artístico do natural e distinguir forma de conteúdo.
Para os concretistas a arte é autônoma e a sua forma remete às da realidade, logo, as poesias, por exemplo, estão cada vez mais próximas das formas arquitetônicas ou esculturais. As artes visuais não figurativas começam a ser mais evidentes, a fim de mostrar que no mundo há uma realidade palpável, a qual pode ser observada de diferentes ângulos.
Por volta de 1950, a concepção plástica da arte chega ao Brasil através do suíço Max Bill: artista, arquiteto, designer gráfico e de interiores. Bill é o responsável por popularizar as concepções da linguagem plástica no Brasil com a Exposição Nacional de Arte Concreta, em 1956.
As características gerais do concretismo na literatura são: o banimento do verso, o aproveitamento do espaço do papel, a valorização do conteúdo sonoro e visual, possibilidade de diversas leituras através de diferentes ângulos."
Por Sabrina Vilarinho - Fonte: http://www.brasilescola.com/literatura/concretismo.htm






Quadrado - Simbologia

"O quadrado é uma das figuras mais significativas e frequentes no universo dos símbolos. É considerado um dos quatro símbolos fundamentais, os demais são: o ponto, o círculo e a cruz. Em primeiro plano representa a terra mas pode também num outro nível representar o universo criado. É uma figura estática, ancorada em seus quatro lados, simbolizando interrupção ou estagnação, limite. É a forma que mais se encontra para representar espaços sagrados, templos, altares, cidades e até mesmo conjuntos e aglomerações, como por exemplo, as formações de uma batalha. Podemos citar algumas notoriedades da forma quadrangular: os pontos cardeais, as fases da lua, as estações do ano, etc. Na tradição cristã simboliza o cosmo."
Fonte: http://www.significadodossimbolos.com.br/busca.do?simbolo=Quadrado




Triângulo - Simbologia

"O triângulo é considerado um símbolo complexo, uma vez que sua representação faz parte de muitas crenças, rituais, o qual abarca diversos significados. Dessa maneira, mesmo sendo um dos símbolos geométricos mais simples e fundamentais, ou seja, uma figura plana composta de três segmentos de reta, o triângulo abarca uma gama de significados, por exemplo, como símbolo da trindade dos deuses (Santíssima Trindade) nas culturas cristã, hindu, egípcia, babilônica. Além disso, por ser formado por três segmentos, o triângulo faz alusão às tríades: início, meio e fim; corpo, alma e espírito."
Fonte: http://www.dicionariodesimbolos.com.br/triangulo/











Vídeo: Hermelindo Fiaminghi - Encontros




Nenhum comentário:

Postar um comentário